sábado, 24 de abril de 2010

Como se livrar do Flúor?

Via: Blog Assuntos Incomuns

http://indianinthemachine.files.wordpress.com/2009/11/dees_fluoride.jpg

O “flúor na água” leva ao surgimento de vários problemas orgânicos e mentais nos seres humanos. O argumento que se usa para adicionar o veneno chamado flúor na água usada para beber pelos seres humanos é que o flúor contribui para proteger os dentes, algo que nunca foi provado conclusivamente. Abaixo está um artigo que saiu hoje no Jornal Folha de São Paulo, sobre essa conspiração mundial.

De acordo com Carlos Souza-PL/AM, a utilização do flúor na água é uma grande erro e propõe a revogação da Lei nº6.050/1974 que torna obrigatório o tratamento da água com a adição de flúor.
Segundo o deputado “estudos científicos aprofundados e de inúmeros fatos verificados entre as populações que consomem água fluoretada, constatou-se que, ao contrário do que se supunha, a fluoretação provoca muito mais males que benefícios à saúde pública, ao promover a ingestão excessiva e indiscriminada de flúor…”
“A água fluoretada é um problema também quando utilizada no preparo caseiro de alimentos e na indústria alimentícia. Isto porque a maior parte da água empregada no cozimento de alimentos e em processos industriais é evaporada, deixando os sais de flúor como resíduo. Esse fato ocorre com inúmeros produtos utilizados na alimentação infantil, como achocolatados, cereais matinais e vários tipos de bolachas, nos quais têm-se encontrado teores de flúor bem acima dos limites considerados aceitáveis para a saúde humana. O mesmo ocorre, é claro, com os alimentos preparados em casa, cozidos em água fluoretada…”
“A fluorose é a principal doença causada pela ingestão excessiva de flúor. Além dos problemas dentários que já citamos, ela provoca perda de cálcio dos ossos e envelhecimento precoce das pessoas. Tais efeitos foram amplamente comprovados no Estado de Rajasthan, na Índia, onde águas de poços utilizados para o abastecimento de vários povoados contêm elevados teores de flúor. Nas populações desses povoados, segundo o Centro de Pesquisa sobre Fluorose e Desenvolvimento Rural de Nova Délhi, vêem-se claramente os efeitos nocivos do flúor, consistindo a fluorose em um sério problema de saúde pública.”

“Nos Estados Unidos, o Dr. William Marcus, toxicologista da Environmental Protection Agency – EPA – a agência ambiental federal daquele país, detectou estreita correlação entre o crescimento dos casos de um tipo de câncer ósseo, o osteossarcoma, e a ingestão de flúor. Outro estudo, realizado no estado de Nova Jersey, comparou a incidência desse tipo de câncer em vários municípios, concluindo que era maior onde era feita a fluoretação. Esse tipo de câncer atinge, principalmente, rapazes com menos de vinte anos de idade.”

Além deste projeto de Lei, uma matéria públicada na Revista de Odontologia da Universidade de São Paulo em 1998 “Prevalência de fluorose dentária em escolares de Brasília – Distrito Federal”, descreve com minuncias a pesquisa levada pelos seus autores que comprova que a fluoretação da água tem aumentado em muito os índices de fluorose dentária, devido a ingestão de pasta de dentes por crianças em tenra idade.

Infelizmente o lobby dos fabricantes de FLÚOR conseguiu arquivar este projeto de Lei em 2004. Existem diversos países que já suspenderam a fluoretação das aguas, dentre eles a Finlândia, a antiga Alemanha Oriental, Cuba e Canadá, entre outros. Nestes países, segundo Dr. Paul Connett, os problemas dentais nestes lugares não cresceram, mas diminuíram. A material a respeito é diverso e indico principalmente o site do grupo Fluride Action Network que ja conseguiu derrubar a obrigatoriedade na Fluoretação em mais de 50 cidades americanas.
E tém mais, nem adianta tentar filtrar a agua, nem deixa-la parada, o flúor não sai nem por filtros normais, nem evapora como o cloro. Para se separar a agua do flúor e necessário um filtro especial chamado Filtro Osmótico Reverso que custam algo em torno de 300 a 400 dolares.

Qual possibilidade devemos tomar então? Passar a comprar agua mineral de garrafa que também contêm flúor, Comprar um filtro osmótico reverso ou cobrar dos políticos que parem de colocar este veneno em nossas aguas?

Fonte: Acorde da Matrix

Um comentário:

Anônimo disse...

Conforme o portal da Câmara dos Deputados, o deputado Carlos Alberto Cavalcante De Souza "*** não está em exercício: renunciou ***" (http://www.camara.gov.br/internet/deputado/Dep_Detalhe.asp?id=520162). O PL-510/2003, que "Revoga a Lei nº 6.050, de 24 de maio de 1974, que 'dispõe sobre a fluoretação da água em sistemas de abastecimento quando existir estação de tratamento'" foi arquivado em 14/4/2004.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...