terça-feira, 13 de abril de 2010

Polônia é elogiada pelo Conselho da Europa por sua estratégia de NÃO-VACINAÇÃO durante a gripe "suína"

Créditos de: Blog A Nova Ordem Mundial

http://www.polskieradio.pl/_admin/cm/polonia/_Sekcja274/_images/2009111312421123_240.jpg
O Conselho da Europa elogiou a ministra da Saúde da Polônia Ewa Kopacz por sua estratégia contra o vírus da gripe suína.

O Comitê de Assuntos Sociais, de Saúde e da Família disse que a decisão do Ministério da Saúde para não ordenar as vacinas contra H1N1 estava correta, apesar da pressão das companhias farmacêuticas e organizações de saúde.

Ewa Kopacz (na foto), foi a Paris para explicar a resposta de seu governo para com o vírus da gripe, para a qual a Organização Mundial da Saúde previu (erroneamente) que faria explodir uma grande pandemia em toda a Europa. Ewa disse que a Polônia havia considerado comprar uma vacina anti-gripal, mas os termos propostos pelas empresas farmacêuticas eram inaceitáveis.

A ministra da Saúde da Polónia disse que, graças à estratégia de contra a gripe suína adotada na Polónia, menos casos fatais do vírus foram relatados e que o vírus era menos virulento do que em outros países.
Paul Flynn, que escreveu o relatório do Conselho da Europa, chamou a decisão "um ato de coragem" e salientou que outros países gastaram milhões de euros em vacinas.

Ex-chefe da Cruz Vermelha Francesa Prof. Marc Gentilini disse que a Polônia pode servir como um exemplo de como lidar com a ameaça de uma pandemia de H1N1.

A decisão do Ministério da Saúde de não comprar vacinas contra a gripe foi muito criticada na Polônia durante o surto. Ombudsman Janusz Kochanowski até mesmo ameaçou processar Ewa Kopacz sobre a política do governo.

Fontes:
The News: Poland praised for anti-swine flu strategy

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...