domingo, 27 de setembro de 2009

Criando um pretexto para o assassinato em massa: segredo do Irã e suas "Instalações de Enriquecimento"

Kurt Nimmo
Infowars
26 de setembro de 2009

Tradução: Revelatti

Não importa que o Irã não tenha violado os termos do NPT (Tratado de Não Proliferação Nuclear) e não quebrou as regras em conta de sua secreta "instalação" nuclear - estas são as últimas desculpas que serão usadas para atacar o país e matar um número incontável de iranianos.



g20
Obama falando no G20 para o Irã "se livrar" de seu programa nuclear

Na sexta-feira, Obama advertiu que o Irã está se movendo para o confronto e exigiu que Teerã rapidamente "concentre tudo" em todos os esforços nucleares e abrir um local recém-revelado segreto para inspeção internacional de perto. Ele disse que não descarta uma ação militar se os iranianos recusarem. Obama juntou os líderes da Grã-Bretanha e França, em que acusa a República Islâmica de clandestinamente construir uma planta no subsolo para fazer o combustível nuclear que poderia ser usado para construir uma bomba atômica. Autoridades iranianas reconheceu a instalação, mas insistiu que tinha sido denunciados às autoridades nucleares como necessária, informou a Associated Press.

O problema é que não, a instalação foi secreta e não tem a capacidade de produzir armas de urânio. É um problema para nós, o povo cansado de guerra e abate em nossos nomes, mas não para os nossos líderes que são mentirosos patológicos e técnicos de assassinato em massa. É negócio usual para a elite dominante.

O "segredo" da usina nuclear será usado como uma desculpa da mesma forma que as armas fantasma de Saddam de destruição em massa foram usados como uma desculpa para matar 1,2 milhões de iraquianos. Seu antecessor criminoso Bush usou a chamada "Guerra do Golfo" - cozinhada por seu antecessor - como pretexto para impor sanções medievais, que matou mais de um milhão de iraquianos, 500.000 dos quais crianças.

A então Secretária de Estado Madeleine Albright disse que o assassinato em massa de inocentes crianças iraquianas era um preço que vale a pena pagar. Nos próximos meses, será a vez de Obama e seus tripulantes dizerem que o assassinato de milhares e milhares de iranianos foi um preço semelhante que vale a pena pagar?

A AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica) exige apenas que seja informado seis meses antes de uma instalação de enriquecimento vem a tona. Novas instalações do Irã é pelo menos seis meses longe da capacidade de enriquecimento. "Material nuclear não foi adicionado, e que a AIEA diz que os dados que tenho dado sugere que, com a instalação Nanatz existente, o novo portal está concebido apenas para enriquecer urânio a 5%, útil para a produção de energia da uzina Bushehr para a nação, mas não para fins militares ", escreve Jason Ditz.

Além disso, o Irã concordou com as exigências dos inspetores da AIEA que será concedida a permissão para verificar as novas instalações. O Irã concordou com a solicitação dias atrás, e disse que horas antes de as "exigências" que eles têm toda a intenção de fazê-lo. Além disso, os EUA sabiam sobre a construção da usina anos atrás, mas manteve em segredo, porque eles planejavam usar isso como uma desculpa para impor "aleijantes" sanções sobre o país.

Em suma, o Irã "confessou tudo", não que você sabe que se você receber as notícias da CNN, Fox, MSNBC e do resto.



Seguindo o discurso de Obama, na Câmara dos Representantes dos EUA, Nancy Pelosi, e o deputado Howard Berman, presidente da Comissão dos Assuntos Externos, jogou suas respectivas partes. "O esforço do Irã para esconder uma instalação nuclear principal envia um sinal claro de que o regime não tem funcionado de boa fé para eliminar a ameaça das armas nucleares no Oriente Médio e em todo o mundo", disse Pelosi, ecoando a mentira de Obama. "Um Irã com armas nucleares é simplesmente inaceitável. É uma ameaça para a região, para os Estados Unidos e nossos aliados em todo o globo. "

"A notícia de que o Irã tem sido secretamente construir uma segunda usina de enriquecimento de urânio é profundamente perturbador e lança uma sombra pesada sobre as negociações agendadas para a próxima semana. Intenção do Irã de construir armas nucleares e seus esforços para disfarçar que a intenção não podia ser mais claro agora - e não temos idéia do que outros aspectos de seu projeto de bomba nuclear que pode estar trabalhando em segredo ", declarou o deputado Berman.

Apenas alguns dias atrás, a AIEA disse que não acredita que o Irã está construindo uma arma nuclear. "Com relação à comunicação social um relatório recente, reitera que a AIEA não tem provas concretas de que não existe ou foi criado um programa de armas nucleares no Irã", disse a agência de base europeia, em comunicado.

No início deste mês, Mohamed ElBaradei, diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica, disse que não há provas concretas de que Teerã tem em curso um programa de armas nucleares e as ameaças sensacionalistas dos EUA e de Israel são exageradas. "Mas de alguma forma, muitas pessoas estão falando sobre como o programa nuclear do Irã é a maior ameaça para o mundo. Em muitos aspectos, penso que a ameaça foi sensacionalistas ", disse o especialista Boletim de Cientistas Atômicos.

São sensacionalistas, porque o Irã continua sendo o alvo de escolha para a elite dominante. Não importa se neoconservadores ou neoliberais estão no comando. No Irã de sharia(lei quando a liberdade é sufocada, suprimida)-complacente - o Corão não tolera a usura - são uma ameaça para os banqueiros internacionais e seu plano para um governo mundial e implantação da escravidão global. Reservas de petróleo do Irã são secundárias.

Fonte: Infowars - Building a Pretext for Mass Murder: Iran’s “Secret” Enrichment Facility

5 comentários:

Diogo disse...

Portanto, a «guerra ao terrorismo» que já foi levada ao Iraque, Afeganistão e Paquistão, será também lançada ao Irão. E mais milhões serão mortos.

Nós temos cá, nos jornais, televisões e política, mercenários da «guerra ao terrorismo». Não será altura de começar a questioná-los? We, the People?

Emerson disse...

Facilities traduz para "instalacoes", nao facilidades ;)

NRG disse...

Obrigado por avisar Emerson :)
Erros estão devidamente corrigidos.

Onisciente Erudito disse...

Olá! Eu tive uma idéia. As próximas olimpíadas serão em Londres em 2012. Considerando os fatos que a NWO foi anunciada por Bush Pai em 1990, os atentados de 11/9 em 2001, tive uma idéia de que em 2012 aconteceria um atentado em Londres durante as olimpíadas. É possível ver que aconteceu uma coisa a cada 11 anos, levando em consideração de que o nº 11 tem um significado para os poderosos, de acordo com vários documentários. Nesse caso, o governo ou do Reino Unido ou dos EUA faria um atentado em Londres e botariam a culpa no Irã, e assim os caras mandariam seus exércitos para invadir a terra de Ahmadinejad, e "procurar por bombas nucleares". Mais uma vez, em nome da NWO, mais vidas inocentes seriam sacrificadas. Espero que isso jamais venha a contecer, é só uma idéia.
Parabéns pelo blog!

NRG disse...

Obrigado pelo elogio :)
Quem dera se fosse só em 2012...
Os planos estão sendo executados:
Redução populacional através das vacinas h1n1 (com mercurio, aluminio, formol, esqualeno, codex alimentarius, diversos outros venenos (fluor, aspartame, glutamato, etc.) E esses serão executados quase que simuntaneamente (o codex entra em vigor em 31/12/2009 e as vacinas daqui à 2 meses!) O resultado é agravamento inevitavel da crise financeira, junto com fome(pq o codex literalmente irá transformar a comida em veneno), doenças (as vacinas agiram como enfraquecedores do sistema imunologico, e provavelmente (eu espero que não, mas dos caras da NWO [o cartel farmaceutico que o diga...]é de se esperar tudo) surgirá "naturalmente" uma nova variedade do virus. E qual é o resultado quando esses eventos ocorrem simuntaneamente: guerra mundial. Tudo isso em questão de 6 meses! Por isso digo: Espalhem a verdade o mais rápido que puderem, pois infelismente tempo nós não temos muito.