segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Catástrofe na Região Serrana, Geopolítica e Novela

Créditos de Ecocídio

Alguém mais reparou no que realmente está acontecendo no Brasil, em especial no Rio de Janeiro?

P

A Globo sempre disse que em suas novelas, a vida imita a arte e a arte imita a vida. Esse é o segundo capítulo da mais recente telenovela. Sim, telenovela, pois não é própria Globo que está faturando alto e que continua transmitindo e nos entretendo com a desculpa de “informar” em tempo real da “maior catástrofe natural da história do Brasil”?

O paradoxo, quer dizer, paradoxo para a visão humanista - já que na visão elitista global (nos dois sentidos) tais atos são corriqueiros e totalmente naturais – é que no primeiro capítulo da novela real da globo e do Governo internacional brasileiro, os bandidos do tráfico – vilões para nós expectadores e peões do atual Estado Corporativista que é o Brasil – tiveram suas rotas de fugas abertas durante a totalmente planejada operação de invasão e conquista do Complexo do Alemão – evento esse que serviu de vitrine para o novo modelo de controle de operações de tráfico e demais crimes e fraudes nos morros e favelas do Rio (e breve em todo Brasil – não percam, totalmente em 3D!): a milícia. Imagino até o Capitão Nascimento dizendo, “Mas dessa vez,parceiro, a milícia cresceu. Ela é toda a Corporação e tem mais integrantes, as Forças Armadas. O que era a milícia antigamente, agora é mero entrenimento”.

Voltando ao paradoxo, no segundo e mais recente capítulo, o HAARP “forças da Natureza” matam centenas de pessoas e a catástrofe é transmitida internacionalmente. Como a equipe de produção da novela (assim como amigos e patrocinadores elitistas, além de “curiosos”) tem que estar sempre nas locações de filmagem - ainda mais em um evento de tamanha proporção “nunca antes visto na história desse país” – o setor turístico e hoteleiro de Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo e demais munícipíos “palcos do evento” intrigantemente não foi afetado. E NÃO me refiro aos pequenos e médios estabelecimentos… Sim, perderam alguns turistas que cancelaram suas reservas, mas acaso tiveram seus empreendimentos destruídos ou pelo menos com algum deslizamento ou alagamento mínimos??

Literalmente dois pesos e duas medidas.

A trama principal da novela novamente é exposta: Uma grande ação geopolítica, que tem por objetivos consolidar o uso das forças armadas em conflitos e “catástrofes” dentro do país, sob o embuste de ações humanitárias, pacificadoras e de segurança para os eventos de pão e circo (Copa América -mesmo adiada, Copa do Mundo, Olimpíadas…). Tudo isso com muito drama, aventura, humor e os outros “temperos” que sempre vemos na TV e nos cinemas.

O terceiro capítulo teve início hoje. Enquanto o “núcleo” Região Serrana continua sendo gravado e transmitido, o Morro do Borel, que já é “pacificado”, acaba de receber sua nova “arma” contra as chuvas descomunais causadas pelo hoax Aquecimento Global: Sirenes que avisam a população e que podem literalmente “salvar vidas”.

Não esqueçam que em uma novela, as mortes dos atores são meticulosamente planejadas pelo autor e majestosamente criadas pelo diretor e sua equipe de produção. A única diferença nessa novela 3D e totalmente interativa é que os figurantes são tão talentosos – se não mais – quanto os atores principais, pois demonstram com perfeição e naturalidade suas expressões e sentimentos, principalmente em cenas de drama, morte, perdas e desespero.

Não deixem de acompanhar os próximos capítulos.

PS: Enquanto as pessoas continuam doando e ajudando, algúem viu a Globo, atores, jornalistas, apresentadores, etc (bem como os bancos, multinacionais, grandes empresários & cia) doando alguma coisa??? Só estão rindo e se divertindo…

E você doou para o Criança Esperança, não? ;D

Comentário: Veja no blog a verdade oculta sobre esse canal da mídia porca corporativa aqui

2 comentários:

Anônimo disse...

Legal uma outra face da historia

Anônimo disse...

Infelizmente ainda somos uma sociedade de semi alfabetizados sem senso crítico,questionador,provocador e com uma nova geração que já cresce alienada no rebolation,funk e outras modinhas passageiras.Estas entidades estão trabalhando para a bestificação da sociedade e apesar de haver pessoas ecoando aos quatro cantos(eu sou uma delas)todas essas evidências na minha opinião estão tendo muito sucesso na criação de pessoas principalmente aqui no Brasil,sem qualquer vestígio de atitude coerente contra toda essa sujeira maquiada nas novelas,jornais etc..

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...