sexta-feira, 22 de abril de 2011

Documentário: David Icke - Lions Sleep No More (Legendado)

Créditos pela Tradução: Canal ShaoHuaLong

Essa é a primeira parte da palestra inteira, que contem 4 partes no total. Conforme elas forem postadas, atualizo aqui.

>>ATUALIZANDO: Segunda parte disponivel, coloquei na sequencia lá no fim rs.<<

Primeira Parte:















Segunda Parte:











terça-feira, 12 de abril de 2011

O que é o Impossível ?

Autor: Renan Rodrigues Gonçalves

A grande maioria das pessoas sempre dizem que existe o impossível, É IMPOSSÍVEL CORRER NESSA VELOCIDADE e por ai vai. Não existe o impossível, o que existe é a ilusão do que é impossível. Existem pessoas que fazem história com o que eles fizeram, pessoas como Usain Bolt que fez o que as pessoas consideram muito difícil de acontecer.

Mas existem pessoas que não são consideradas humanas, para a mídia e pessoas que são totalmente manipuladas. Um grande exemplo é o Stevie Willchair ele é conhecido por ser um artista suvance, ele foi levado de helicóptero para sobrevoar a cidade de Londres pela BBC por mais ou menos uma hora e meia, com nada, exceto os olhos ele desceu do helicóptero e então desenhou a visão da cidade de Londres do céu com uma incrível precisão. Agora, todos se perguntam COMO ?! POR QUE ? bem, simplismente porque ele está acessando esse potencial infinito que a maioria das pessoas do mundo inteiro que sempre estão focadas no lado esquerdo do cérebro não conseguem. O lado direito do cérebro é o lado da criatividade, imaginação, livre e etc, normalmente quem usa bastante é são tatuadores e etc.. poucas pessoas no mundo conseguem usa-lo, mas como venho dizendo, não é impossível, basta querer e acreditar no seu pontêncial humano e espiritual dentro de você! pare de ficar na frente da tv vendo Domingão do Faustão e vá procurar um conhecimento sobre o mundo em que vivemos. NÓS PODEMOS MUDAR ESSA REALIDADE! ... continunando O lado esquerdo do cérebro é o lado racional e verbal, hoje em dia, muitas pessoas só usam esse lado, porque sempre estão focadas no seu trabalho, nas tarefas escolares e etc..

Agora, outro artista chamado Daniel Tammet, também considerado um artista suvant, ele conseguiu coisas realmente incríveis, ele foi desafiado uma vez, para aprender a língua islandesa em apenas uma semana, é considera uma língua muito difícil de se aprender, percebe-se que nem a mídia que lê os noticiários, eles não usam o nome de um vulcão da Islândia porque é muito difícil de se pronunciar. Então, Daniel Tammet, volto ao progama de televisão, depois de uma semana falando islandês e seu professor de islandês disse: "Ele não é humano" É CLARO QUE ELE É UM HUMANO! Ele é um humano em que nós fomos uma vez e seremos novamente!

Quando nós seremos novamente assim ? Bem, quando essa supressão do nosso potencial e nossa possbilidade infinita chegar ao fim, essa merda toda vai acabar!

Nunca deixe ninguém dizer que você não vai conseguir, seja lá o que você quer! Nem mesmo seu pai, sua mãe.. Se você acha que consegue, faça acontecer!

Nós vamos conseguir mudar essa realidade, vamos acabar com a ignorância, individualidade e arrogância! Mas para isso um dia acontecer, só depende de nós mesmos! Para mudarmos o mundo, precisamos mudar em casa, A REVOLUÇÃO COMEÇA EM CASA.

http://marcbarros.files.wordpress.com/2010/11/cavalos-na-neve1.jpg

"Seja a mudança que você quer ver no mundo" - Mahatma Gandhi

Santos, 08 de Abril de 2011

Exemplo puro de AMOR

Via: Liberdade Mental
Canal:

Taí um bom exemplo de como todas as criaturas podem se relacionar, não interessando seu meio ambiente. Nem precisa de texto ...



Senhora Anunnaki da Reencarnação:

Artigo Retirado do Blog: Liberdade Mental

O cristianismo, estabelecido pelo Imperador Constantino, depois de ser instruído por uma família aristocrática, "Os Pisos" – Carlpunius Piso – fundaram a Igreja e escreveram o Novo Testamento, usando personagens da antiga Babilônia e reutilizando-os na nova religião - "O Cristianismo". Os Pisos eram estóicos e sabiam que as pessoas eram motivadas e controladas através do uso de "Medo e de Esperança" (curiosamente os mesmos métodos da fraternidade babilônica).


Em 553 d.C. a reencarnação foi declarada ilegal no segundo Sínodo (concílio) de Constantinopla, sob a influencia do Imperador Justiniano. O concílio decidiu, sem a presença do Papa, que: "se alguém declarar a fabulosa preexistência das almas e submeter-se à monstruosa doutrina que acompanha isso, que seja excomungado". Nitidamente uma estratégia política da igreja, pois uma aceitação da reencarnação retiraria o poder do "céu"e do "inferno" imposto para amedrontar as pessoas a agirem dentro da doutrina cristã.

Com o passar do tempo, certas crenças estabelecidas pela igreja começaram a ser contestadas por uma nova forma de ver o mundo, - "A Ciência". Logo essa mesma Fraternidade precisaria de mais "recursos" e alternativas para continuar manipulando e assim, não perder o controle. Então, além da ciência, nasceu também o Espiritismo com Allan Kardec, o codificador de mais uma doutrina. Essa ao contrario da igreja, defendia a reencarnação com base em experimentos, observações e comunicações com entidades já desencarnadas. Baseou-se fundamentalmente nas respostas dos chamados "espíritos evoluídos". É importante ressaltar aqui que Kardec antes de se dedicar a essa "codificação", foi Maçom por muitos anos. Estudou Martinismo e Carbonarismo.

Curiosamente os fundadores da "Royal Society" (Sociedade Real) eram Maçons. O pai da "Royal Society", Francis Bacon, ou seja, o criador da "ciência moderna", foi o principal tradutor da Bíblia, um Rosacruz e um arquiteto da maçonaria. Outro dentre esses partidários da Royal Society era o grande Isaac Neewton, sim ele mesmo - membro desde 1672, era um Rosacruz grande mestre do Priorado de Sião.

Outros antigos partidários da Royal Society que podemos citar são: Lorde Moray, um maçom escocês. Elias Ashmole, um dos primeiros maçons registrados. Andrew Michael Chevalier Ramsey, um luminar principal da maçonaria que foi admitido na Royal Society sem quaisquer qualificações científicas de qualquer tipo. Byrom, um maçom e membro do Cabala Club (Clube da Cabala), também conhecido como o Sun Club (Clube do Sol). A Royal Society foi, e ainda é mais do que um "agrupamento de cientistas". No seu núcleo ela é uma Sociedade Secreta controlada, ou melhor criada pela Fraternidade para limitar a visão e amplitude do entendimento científico e espiritual.


Pergunta 132 do Livro dos Espíritos:

* Qual é o objetivo da encarnação dos Espíritos?

A Lei de Deus lhes impõe a encarnação com o objetivo de fazê-los chegar à perfeição. Para uns é uma expiação; para outros é uma missão. Mas, para chegar a essa perfeição, devem sofrer todas as tribulações da existência corporal: é a expiação. A encarnação tem também um outro objetivo: dar ao Espírito condições de cumprir sua parte na obra da criação. Para realizá-la é que, em cada mundo, toma um corpo em harmonia com a matéria essencial desse mundo para executar aí, sob esse ponto de vista, as determinações de Deus, de modo que, concorrendo para a obra geral, ele próprio se adianta.

Obs: Perceba: "A Lei de Deus lhes impõe a encarnação...". Se você realmente acredita que tem que haver alguma LEI que IMPONHA algo a você, sinto muito, mas você não tem a menor noção do que é Liberdade e Livre-arbítrio.

Bom, de acordo ao texto que já postei no blog - Reencarnação – Ciclo Anunnaki, Eu comento sobre o "bloqueio" dos 44 Códons de nosso DNA, ou seja, usamos apenas 20. - Veja o que diz o Projeto Genoma.

Como mencionei no texto, um dos motivos desse bloqueio é de impossibilitar que você se lembre de seu retorno à 4D após seu último desencarne, pois assim ELES se certificam que você reencarne sendo novamente "programado" com as crenças do Sistema que ELES também controlam – "Matrix". Logicamente, se você não possui uma lembrança que anteceda seu nascimento, você é comparado a um HD formatado, ou seja, cérebro novo = mente nova - HD formatado prontinho pra receber o mesmo sistema operacional e continuar plugado na mesma "rede corporativa" DELES.

No texto Nexus (recomendo a leitura) há alguns conselhos sugeridos, e um deles em especial refere-se a essa questão:

Conselho 6: Em "certas circunstâncias", deixei o corpo físico antes do feixe ter chegado? E agora? Nesse momento, o espaço astral deste planeta não é seguro, se é que posso dizer isso, e muitos seres não podem deixá-lo com segurança.
Há uma grande chance (temos que estar abertos a todas as possibilidades) de que a maioria da população, depois de deixar o corpo físico com os próximos eventos, irá diretamente para a dimensão astral. O ajuste da consciência tem de ser feito o mais rapidamente possível.

Eu não recomendo entrar em túneis escuros com luz no final. Esta poderia ser uma manipulação mais fácil das entidades multidimensionais que não são amigáveis a nós. Se você não tiver certeza, não seja "amigável" com as entidades antes de os raios do centro da galáxia chegarem.

Existe a possibilidade de que, no plano astral, imensas naves serão estacionadas, com um plano para usar sua avançada tecnologia para interceptar quantas consciências puderem, mesmo as consciências que estavam em corpos humanos e, depois de cortar a sua consciência, colocá-las na consciência de sonho para que elas não saibam o que está acontecendo (acredito que eles têm a tecnologia e as habilidades para fazer isso) e depois colocá-las dentro de containers energéticos, transportá-las para outros sistemas.
Finalmente, podem colocá-las em outros corpos de forma que a manipulação e a explicação do campo de energia gerado chamado aura - que é um resultado da fusão da nossa consciência com as energias do espaço envolvente - possa continuar.

Tente ficar acordado no plano astral e evitar túneis, vórtices, etc no plano astral. Resista a qualquer pressão exterior de alguém para entrar em nave, portal, etc para aguardar a Nexus chegar.

Se você ficar, enquanto na dimensão astral, você logo se acostuma a esta nova densidade, e se isso acontecer, não espere, mas deixe este planeta e vá diretamente em direção ao centro da galáxia. No momento em que um dos feixes de Nexus o toca, você está seguro!

Agora, como na resposta da pergunta 132 do Livro dos Espíritos: "A Lei de Deus lhes impõe a encarnação...". Percebemos que, eu diria a GRANDE maioria reencarna na Terra segundo uma manipulação reencarnatória. Mas quem poderia estar administrando esse Ciclo 3D/4D ???

Pra isso é preciso juntar muitos pontos de uma mesma personagem. Esse "Empreendimento Anunnaki" nos mostra que somos mantidos como cultura, recurso, uma propriedade ou mais explicitamente como um Produto.

A personagem administradora desse Ciclo nos deu muitas pistas de seu papel dentro desse empreendimento. Até porque, ela é nossa "MÃE".

Vamos rever alguns nomes dessa mesma entidade ao longo de nossa história:


Nammu ou Namma: A deusa primordial de todos os deuses e deusas, do céu e da Terra. Seu nome significa: "mar primordial", a deusa do mar doce.

Ninhursag: Progenitora da maioria dos deuses. Como esposa de Enki era geralmente chamada de "Damgalnuna" ou "Damkina" (mãe de Marduk). É identificada como "verdadeira e grande senhora dos céus".

Ereshkigal: Seu nome significa "Senhora da Grande Habitação Inferior" ou ainda "Senhora dos Vastos Caminhos". É uma dos grandes deuses Anunnaki, a quem Anu delegou o dever de ser a juíza das almas dos mortos. Ela é quem julga os casos dos homens e mesmo dos deuses.

Inanna: A deusa que desceu ao inferno e resgatou Dumizi dos mortos. Ninmah - Grande Rainha.

Nintu - Senhora do nascimento. Auxiliou Enki na criação da raça humana.

Mama ou "Mami" - Mãe Parteira dos deuses. Aruru - Irmã de Enlil.

Dingirmah - Mudkesda - Ninbahar - Uriash.

Ninlil: Rainha do mundo dos mortos.

Hator: Deusa celestial, significa: Recinto ou casa de Hórus. É descrita como "Senhora do Ocidente", que recebe os mortos na próxima vida. Numa relação complicada, Hator é por vezes mãe, filha e esposa de Rá e, como Ísis, por vezes é descrita como mãe de Hórus, e associada a Bast.

Ísis ou Ísis-mary - Deusa da maternidade e da fertilidade. Protetora dos mortos e deusa das crianças de quem "todos os começos" surgiram, e foi a Senhora dos eventos mágicos e da natureza. Ísis é retratada segurando a cruz de Ankh, que sibolizava a vida após a morte, ou o símbolo da ressureição/reencarnação.

Freia: A deusa mãe da dinastia de Vanir na mitologia nórdica. Deusa líder das Valquírias - condutora das almas dos mortos em combate. Ela compartilhava os mortos de guerra com Odin. Metade dos homens e todas as mulheres mortos em batalha iriam para seu salão Sessrumnir.

Hécate: "A distante". Enviava aos humanos os terrores noturnos e aparições de fantasmas e espectros. Suas três faces simbolizam a virgem, a mãe e a senhora. simbolizava seu poder sobre o mundo subterrâneo, onde morava, ajudando à deusa Perséfone a julgar os mortos.

Afrodite: Espuma do mar. Gaia: Mãe Terra. Ninzinak - Senhora do embrião. Nindim - Senhora modeladora. Nagarsagak: Carpinteira de interiores. Ninmag: Senhora vulva. Ninsigsig - Senhora do silêncio.

Amadugbad: Mãe que estende os joelhos. Amaududa: Mãe que dá à luz. Sagzudingirenak: Meio-esposa dos deuses. Ninmenna: Senhora do diadema. Ki: Terra.

Ártemis: Deusa da luz da lua e da magia.

Hubur: Serpente com chifres. Lilith: A primeira mulher do Adão bíblico.

Trívia: Deusa das encruzilhadas. Praxidikê - Executora da justiça.

Iemanjá: "Mãe cujos filhos são peixes". Mãe de todas as cabeças humanas.

Réia: Mãe dos deuses. Seu nome significa Fluxo.

Cibele: Mãe dos deuses ou deusa mãe. Tornou-se uma divindade do ciclo de vida-morte-renascimento ligada à ressureição do filho e amante Átis.

Semiramis: "Rainha dos céus". Em acadiano significa pomba (espirito santo).

Deusa mãe: Deidade dos ciclos da fertilidade.

Virgem Maria: Em hebraico significa "contumácia" ou "rebelião". Nome originário do Egito antigo derivado de MRY (amada) ou MR (amor). Assim como Semiramis, Maria não morreu, mas foi levada aos céus.

Veja na oração à Maria: "Ave Maria, cheia de graça ... Rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte – Amén ou Amen-Rá, que é o original.

Perceberam a frase??? Ela é a que roga por nós que somos, "pecadores" (manipulados por eles) agora (3D) e na hora de nossa morte (4D), finalizando com o mantra egípcio "Amen".

Interessante isso não ?!!

Existem muitas outras personagens paralelas com gritantes semelhanças - é claro, pois são a mesma entidade. Se você duvida, por favor, não seja preguiçoso e reativo, LEIA, pesquise, averigue, constate, investigue e analise toda essa informação por você mesmo. Qualquer comentário dogmático e religioso, sinceramente não irá fazer a menor diferença, pois as evidências são inúmeras.

Lembre-se: Religião e Dógmas são Crenças/PROGRAMAS ... desprograme-se e crie seu próprio programa. Não seja uma cópia!

Essa Reencarnação imposta e manipulada gerou a idéia de Karma que é equivalente a "LEI" – Ação e Reação. Porém nossas ações estão sendo manipuladas e assim, as reações serão também controladas. Resumindo, Karma é uma idéia manipulada!!! Todo conceito religioso é sempre usado pelos mesmos manipuladores, e a maioria cai quem nem “patinho”. Trocariamos a idéia atribuída a Karma, e usariamos um termo mais apropriado como: Memória ou Fonte de informação que incluem elementos positivos ou negativos, o qual o subconsciente busca os dados que utitiza no presente. Ainda que essa Memória subconsciente se reflita em nossa fisionomia influenciando em nossos pensamentos, reações e decisões, SEMPRE podemos recorrer ao Livre-arbítrio para orientar nossas vidas (tanto na 3D como na 4D).

Pra mim, o processo evolutivo é com base no amor, e não no castigo. Evoluímos com base na liberdade do Ser e não na repressão, imposição ou na coação ... e menos ainda na ENGANAÇÃO!

Nós somos consciências multidimensionais infinitas, encarnados em um corpo físico, por um período de intensa experiência na "estrada" da evolução. Porém, desde a última intervenção genética de nossa espécie, estamos sendo monitorados, controlados e manipulados tanto encarnados como desencarnados. Isso se torna evidente depois que ELES puderam manipular nosso código genético. É óbvio que também poderiam "administrar" um ciclo reencarnatório.

Nós não morremos, simplesmente porque não podemos morrer. Energia é consciência e energia não pode ser destruída, somente transformada em uma outra forma de expressão de si mesma. Quando se percebe que você não é seu corpo físico, mas sim a consciência eterna e infinita dando vida para este corpo, sua visão de si mesmo e seu potencial é expandido além da medida e além da matéria.



Leitura complementar:

http://www.bibliotecapleyades.net/esp_cayce_1f.htm

http://bloglaurabotelho.blogspot.com/2010/06/plano-basico-de-sobrevivencia-mantenha.html

Os deuses Nórdicos Arianos

Artigo Retirado do Blog: Laura Botelho

"A verdade não é o que ela é;
a verdade é o que as
pessoas acreditam que ela seja".
Hitler - Mein Kampf

Hitler sabia o que estava dizendo. Em seu primeiro contato com os extraterrestres ele tremeu.

"O Novo Homem está vivendo entre nós!...
Ele é intrépido e cruel!
Eu tive medo em sua presença!”
- Adolf Hitler

A região que confere o titulo Nórdico é formada por 5 estados-nação - Dinamarca, Finlândia, Islândia, Noruega e Suécia, e suas 3 regiões autônomas que incluem as Ilhas Faroé, Groenlândia, Svalbard e Aland, compartilhando uma história em comum, bem como um modelo nórdico de traços físicos, sistemas político e cultural em comuns em suas respectivas sociedades.

Nordicismo (também "teoria nórdica") é a ideologia da supremacia racial, que para além da mera classificação de uma "raça nórdica" constituiria uma raça superior por conta de uma capacidade inata de liderança e domínio.

O nome Nórdico dados aos ETs arianos é uma analogia que a comunidade ufológica encontrou para definir esses seres entre outros, devido às características bem definidas das variações da raça caucasiana dos Germânicos, Celtas e Anglo-Saxões.

Já a expressão ariana - De acordo com Paul Thieme (1938), o termo Védico arya -, no seu uso original, refere-se a "estrangeiros", mas "estrangeiros" que são potencialmente "convidados" - isto é, com os quais se estabelece certa solidariedade étnica, em oposição aos "bárbaros".

Bem, como aliens convidados, esses possuem um conjunto de características físicas que aparecem em todos que se apresentam para os humanos de forma cordata: cabelos louros ondulados ou ruivos, com olhos azuis olhos claros, pele avermelhada, estatura média alta - se comparado aos outros humanos - de mais 1,75m podendo chegar a mais de 2 metros de altura.

São ícones de beleza - todos esbeltos, musculosos, homens ou mulheres parecem ter saído de capa de revista, com aparência, eu diria, “quase perfeita”.

Relatos de pessoas que tiveram contato com extraterrestres com essas características nos anos 50 nos contaram que eles vieram de Saturno, Vênus e Júpiter, porém coisa de pouco tempo atrás, repentinamente, mudaram seu CEP, seu endereço para um lugar ainda no sistema solar, conhecido como constelação de Plêiades.

Nos anos 50, George Adamski foi um dos casos mais destacados na história ufológica em contato com essa raça nordica-ariana. Ele alcançou fama nacional quando começou a receber visitas dos "Irmãos do Espaço", assim chamado por ele, que pediram que Adamski fosse seu mensageiro, embaixador entre a raça terrestre.

Inicialmente se apresentaram dizendo serem oriundos do planeta Vênus e apesar de estarem fazendo contato com ele pessoalmente na Polônia, falavam entre eles em alemão. George reconheceu facilmente a língua e rapidamente os irmãos arianos disseram que falavam todas as línguas do planeta Terra, “of course”.

Em 1961, o caso de abdução mais relatado com perda de memória recuperada pela hipnose, foi o evento passado pelo casal Betty e Barny Hill. Em uma das sessões de hipnose, Barney afirma quase em voz de pânico que ele está vendo um "Capitão" com os pequenos Grays. Questionado como ele sabia quem era o Capitão, Barney respondeu que ele estava de boné e uniforme de um Nazista.

Já nos anos 70 e com novo endereço, os Plêidianos fazem contato com um fazendeiro humilde suíço de nome Billy Meir. Os Pleidianos proclamaram que uma 3ª Guerra Mundial seria inevitável e que ele avisasse a todos para mudarem seus comportamentos enquanto podiam! Eles insistiram na importância da cessação dos testes nucleares e uma vida em paz e harmonia.

Anjos ou demônios?

No mundo de mistérios e fatos presentes, muitas pessoas têm comparado a intervenção desse lindos seres com a humanidade, como se fossem anjos e até mesmo um novo Deus.

Os Nórdicos arianos explicam que há muito tempo eles têm uma guerra entre os hostis Grays - seu inimigo é a serpente, a criatura reptiliana e que suas ações de não envolvimento com a raça humana, se fazem respeitando seu livre arbítrio, fato controverso já que sua convivência conosco inclui a criação de mitos e lendas através da história e em todas as culturas. Alguns pesquisadores têm comparado seu envolvimento com a humanidade como se fossem os Anjos da Bíblia.

Não nos parece que há aqui uma nítida polaridade entre BONS e MAUS? Seres evoluídos se dizendo “inimigos” de alguém?! Guerra contra? Não vou me meter, já se metendo?

John Carpenter, um investigador bem conhecido, cita que no Apocalipse 11 é descrita uma guerra no céu entre o arcanjo Miguel (loiro, olhos azuis) e o dragão (um réptil).


Os Nórdicos arianos agem como "guardiões" do cosmos e se dizem “neutros” no que diz respeito à humanidade... Quando em contato com humanos, muitos experimentaram visitas desses à luz do dia, assim como à noite.

Sua fala mansa, materna e carinhosa encoraja os indivíduos a aprenderem e a estudaremas verdades” de todas as fontes e ajudar a unir a humanidade. (???)

A presença Nórdica diferentemente dos Grays, que são mais presentes que nos Estados Unidos, são mais avistados na Grã Bretanha e no resto da Europa ou em outro lugar.

Seus símbolos, quando aparecem, têm sido serpentes aladas ou suásticas estilizadas e a cruz de malta, símbolo presente em todas as batalhas sangrentas da humanidade.

Esses anjos de bondade proclamam as mesmas visões Teosóficas de Deus como uma força energética assim como os Grays, e também incluem a reciclagem dos humanos, dizendo que de alguma forma estamos relacionados, sendo almas encarnadas de seu mundo.

Assim como os Grays os Nórdicos arianos também fazem abduções, mas segundo especialistas no assunto, seus encontros (na maioria dos casos) diferentemente dos contatos com os grays, são totalmente relembrados sem a experiência da "perda de tempo" e mascaramento de memória, não sendo experiências traumáticas onde não incluem experimentos médicos evasivos.

Diferente dos Grays, os Nórdicos arianos demonstram emoção e parecem ter um cuidado para com a humanidade.

Eles são delicados e cuidadosos – diria até empáticos - com os indivíduos abduzidos, se preocupando com seus sentimentos, respondendo as questões feitas e dando certeza de que tudo vai ficar bem, mesmo que estejam quase sempre em companhia da mesma nave com seus arqui-inimigos grays.

Você consegue imaginar alguém te violentando
e dizendo que tudo vai ficar bem?

Morcegos mordem e “assopram” - injetam anestesia com sua saliva para que suas vítimas não sintam desconforto com sua mordida...

Bons alienígenas contra Maus alienígenas e nós no meio!
Estão nos empurrando contra a parede para que tenhamos que fazer uma escolha entre a cruz e a calderinha - Uma "guerra celestial" como narrado na Bíblia, transformada em uma batalha de ficção científica interestelar nos tempos modernos.

No conhecimento antigo, Vishnu é a terceira deidade no topo dos deuses que ameaça voltar num cavalo branco. Os antigos Vedas descrevem o mundo pré-diluviano, cheio de aeronaves chamadas Vimnas entrando em combate aéreo, lançando mísseis, e descrições de uma guerra nuclear com destruição e radioatividade. Veja outro texto aqui.

Na América do Sul os Viracochas são interpretados como os Mestres Brancos dos céus. Eles são descritos como deuses brancos barbados que vieram do céu e prometeram retornar. Eles foram desenhados dirigindo um veículo numa posição reclinada segurando algum tipo de controle, uma imagem muito conhecida por nós.

Os índios Hopi encontraram Bahana e Bahana significa, "irmão branco" dos céus.

É muito mais do que simples “coincidência” através da história de muitas culturas, os encontros com um Espírito Branco ou Mestres Brancos dos céus.

E segundo dita a lenda, os Pleaidianos pregam uma política de não-intervenção. Imagine se metem-se a colher?

Uma conexão interessante nessas culturas que afirmam terem entrado em contato com vários deuses brancos, irmãos e mestres, é o uso comum da Suástica. Só os Assírios e Egípcios não usaram esse símbolo. No entanto, eles usaram a Cruz dos Cavaleiros Germânicos.

Suas visitas a diversas culturas têm coincidido com um repentino crescimento e avanço dessas sociedades.

As passagens proféticas em Daniel 2:43, Isaías 14:9+29, 26:14, Gênesis 6:4, 26:5 e Apocalipse 13:15 descrevem uma hibridização genética e ressurreição dos anjos caídos e sua descendência que são agora espíritos sem corpos.

Já em Isaías 14:29

“Eles irão mais uma vez aparecer como humanos em carne e sangue para novamente enganar a humanidade

Os Nórdicos arianos estão sendo aceitos por milhões de seguidores como “os caras bons” que estão vindo para nos salvar...

Eu te pergunto: Salvar de que?
Pense nisso.

Laura Botelho

Um Jogo da Fé

Artigo Retirado do Blog: Laura Botelho

Nosso cérebro capta o ambiente e ao interagir com ele faz uma rápida associação com o que tem armazenado de experiências anteriores para lidar com o evento do momento – sentir, tocar, ouvir etc
Devido a urgência da busca pela sobrevivência fazemos uma analise muito rápida das coisas reduzindo significantemente a informação

Nosso cérebro é treinado para reduzir, para que possamos tomar uma decisão – FUGA ou ATAQUE.

E nessa pressa as informações externas conflitam com as que temos armazenadas e quase sempre fazemos a tradução errada ou não tão fiel ao que estamos recebendo.

Devido a inferência visual criamos uma ilusão de ótica por acreditar que já conhecemos o assunto – essa capacidade de nosso cérebro em deduzir extraordinariamente os eventos do ambiente torna a mente confusa e passível de erro, pois estamos apenas analisando partes de um todo da situação, uma mensagem muito limitada sobre o assunto exposto

E num momento de estresse meu amigo... Fazemos julgamentos conforme a nossa crença, a nossa visão de mundo.

O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos.

Se colocar alguém dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília, sem portas ou janelas, sem relógio, sem absolutamente nenhuma informação, o cérebro começará a perder a noção do tempo.

Desesperado, por alguns dias focará a passagem do tempo sentindo as reações internas do corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome, sede e pressão sanguínea.

Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento e repetição de eventos cíclicos, como o nascer e o pôr do sol – da rotina.

É quando você se sente mais vivo. Conforme a mesma experiência vai se repetindo, vai se simplesmente colocando as reações no modo automático – staand by - e "apagando" as experiências duplicadas.

Isso reforça a idéia da automatização – robôs – nós nos costumamos com tudo, fomos programados para nos acostumar.

Nos acostumamos facilmente com a cor das paredes, com as pessoas a nossa volta, com as palavras, com o cheiro, com a dor, com a falta, com a vida que estamos levando...

Por um lado é bom, pois isso nos faz seguir em frente, mas sem consciência desse mecanismo, de como o meio pode nos parecer banal e vulgar, nos torna seres mecânicos, fazendo a mesma coisa dia após dia.

Ter consciência é estar presente na ação. Esteja presente na sua vida, não deixe que ela passe como se fosse apenas um filme que você já sabe como termina...

Laura Botelho






LB-5- Um jogo de fé from Laura on Vimeo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...